Senacon alerta sobre falsos imunizantes contra covid-19

Áudio

Por Nelson Lin - São Paulo

A Secretaria Nacional do Consumidor, um órgão vinculado ao Ministério da Justiça, já acionou a Anvisa e a Polícia Federal para coibir a venda de falsos imunizantes contra a covid-19. A prática de venda dessas vacinas foi comunicada pelo Procon de São Paulo.

Criminosos estariam se aproveitando desse momento em que a população está na expectativa de se vacinar e a proximidade da campanha da vacinação contra a doença, para oferecer vacinas falsificadas em sites de várias regiões do país.

E nesse cenário, cabe lembrar ainda que a Interpol lançou alerta no início de dezembro sobre grandes riscos de furto e contrabando de vacinas no mundo todo neste ano de 2021, à medida que as campanhas de vacinação se iniciarem nos países. 

Por isso, a Secretaria Nacional do Consumidor chama a atenção dos consumidores para não caírem nesse golpe. Produtos falsificados não têm garantia de eficácia e trazem riscos à saúde das pessoas.

Campanhas de conscientização da secretaria estão sendo elaboradas para alertar e conscientizar o consumidor.

Cabe lembrar que aqui no país a vacinação contra a covid-19 será feita inicialmente apenas em postos de saúde do SUS.

Comentar

HTML restrito

  • Você pode alinhar imagens (data-align="center"), mas também vídeos, citações e assim por diante.
  • Você pode legendar imagens (data-caption="Texto"), mas também vídeos, citações e assim por diante.