“Justiça foi feita”, diz Maluf ao recepcionar Antônio Joaquim e Novelli no retorno ao TCE

Áudio

Por Jurandir Antonio – Voz: Eneas Jacobina

Texto do áudio:

 

A 2° sessão ordinária remota de 2021 do Pleno do TCE, Tribunal de Contas de Mato Grosso, realizada nesta terça-feira, foi marcada pelo retorno dos conselheiros Antônio Joaquim e José Carlos Novelli ao pleno exercício de suas funções junto ao órgão de controle externo.

Dando início aos discursos de boas-vindas, o presidente do TCE, Guilherme Maluf, destacou que a reintegração dos conselheiros titulares recompõe o quadro constitucional da Corte de Contas, devolvendo, aos poucos, a normalidade institucional.

"No ano passado já tivemos o retorno do conselheiro Valter Albano, hoje nosso corregedor. A recondução de Albano e, agora, as de Novelli e Antônio Joaquim reafirmam os princípios do Estado de Direito. A justiça foi feita", ressaltou Maluf.

De acordo com o presidente do TCE, a reintegração dos conselheiros titulares devolve ao órgão superior de controle de contas do Estado a experiência, a eficiência e o conhecimento de quadros de alto nível.

"Graças ao trabalho das gestões que me antecederam, o TCE-MT se mantém na vanguarda entre as instituições de controle e é referência de boas práticas de gestão", avaliou o presidente.

Em sua primeira fala em plenário, o conselheiro Antônio Joaquim revelou os sentimentos antagônicos com os quais tem se debatido desde que soube da decisão judicial que o reintegrou ao cargo.

"O primeiro de alívio, com a notícia de que finalmente a Justiça começa a ser restaurada, e o segundo de certa revolta, por ver escancarada uma certeza que sempre tive: a de ter sido vítima de uma rancorosa e maldosa trama. Sou absolutamente inocente", reforçou Antônio Joaquim.

Já o conselheiro José Carlos Novelli também destacou a alegria em retornar ao cargo, de cabeça erguida e bem recepcionado pelos servidores e pelo presidente quando assinou a reintegração.

"Não vou defender minha inocência, porque já está estabelecida. Fica caracterizado que o passado é um passado triste, dramático, mas que está no passado. Não há a mínima possibilidade de que aconteça algo fora deste contexto".

Novelli ainda fez questão de ressaltar que não cometeu crime algum.

Comentar

HTML restrito

  • Você pode alinhar imagens (data-align="center"), mas também vídeos, citações e assim por diante.
  • Você pode legendar imagens (data-caption="Texto"), mas também vídeos, citações e assim por diante.