Relacionamentos

Todos os dias inúmeras relações começam e terminam, gerando alívio ou sofrimento, alívio para aquele que desejava o fim, devido a uma infinidade de razões que vão desde se libertar de um relacionamento abusivo ou até ter encontrado outra pessoa, e inesperadamente: se apaixonado! Para aqueles que vivem uma separação indesejada, sentir a dor do término e lidar com o luto pode ser muito doloroso, inclusive necessitando além do apoio da família e dos amigos, da busca pelo apoio psicológico que, aliás é fundamental para desabafar, chorar e receber a orientação adequada, o uso da medicação, antidepressivos ou ansiolíticos, pode ser necessária em alguns casos e deve ser feita por um médico, todo esse aparato visa a superação deste término de um ciclo, para enfim continuarem as suas vidas. Já outros tentando fugir da dor entram logo em outra relação, sem parar para pensar e avaliar o que está acontecendo, porquê as suas relações não duram muito tempo ou geram tantos conflitos que você acaba desistindo e assim perdem a boa oportunidade de buscarem autoconhecimento e maturidade emocional.

Mas a pergunta que surge é, se não podemos controlar o outro e suas vontades, como perceber se estamos vivendo ou não, a relação no mínimo saudável, que tanto sonhamos.

Relacionamento saudável, é aquele em que ambos se equilibram e compreendem que uma hora um dará algo e em outra receberá...E está tudo certo, ninguém fica em débito! Neste equilíbrio ambos se sentem vistos, amados e valorizados!

Como ADULTOS, entendem que relacionamento é complemento e não a sua TÁBUA DE SALVAÇÃO na vida, onde o parceiro ou parceira teria que suprir as suas carências (INCLUSIVE FINANCEIRAMENTE), e curar antigas feridas...

É tão comum ouvirmos que os casamentos hoje em dia não duram como antigamente e isso tem o seu lado positivo, pois as pessoas estão mais informadas, independentes e capazes de romperem o pacto com a infelicidade!

Um relacionamento pode durar 30 anos e não ser SAUDÁVEL!

Um relacionamento pode durar 5 ANOS e ser a melhor relação da sua vida, permitindo inclusive, que os laços de amizade continuem!

Para a construção de uma relação saudável é necessário que as partes estejam dispostas a crescerem juntas com a relação, entendendo que ninguém é perfeito, mas que a própria disposição para as mudanças necessárias já somará pontos para a saúde da relação.

E se possível, antes de se decidirem por uma separação, busquem a terapia, o apoio profissional é importante para trazer clareza e ajudar a encontrar soluções que o casal não conseguiu encontrar a sós!

Sani Neves é psicóloga CRP 18/01332. Contato WhatsApp 65 999821308. Instagram: psicologa.sanineves